Este setor é responsável pelo monitoramento de todos os parâmetros físico-químicos da água destinada ao abastecimento público, desde seu estado natural até a distribuição para consumo.

São realizados diversos ensaios diários para determinação de cloro residual, fluoreto, alcalinidade, cor, turbidez e pH da água distribuída em vários pontos da cidade. Estes parâmetros são avaliados nas saídas das ETAs e dos poços. Também são realizadas análises em vários pontos da rede de distribuição.

A água captada é analisada na chegada à estação e durante as diversas fases do tratamento, garantido que o tratamento seja feito de forma eficiente.

Nos mananciais que abastecem as captações são monitorados mensalmente outros parâmetros, como fósforo, amônia, nitratos, nitritos, cloretos e metais, como ferro, alumínio e cromo, com o objetivo de detectar possíveis fontes de contaminação dos córregos da cidade.

Para o atendimento à Legislação ambiental (CONAMA 357/2005) são subcontratados ensaios para a avaliação de parâmetros de alta complexidade nas saídas de sistema, como pesticidas, organoclorados, bromatos, fenóis e derivados.

Equipamentos, vidraria e termômetros são todos calibrados pela Rede Brasileira de Calibração acreditada pelo INMETRO para diminuir a Incerteza de medição de nossas análises.

Os reagentes utilizados no Laboratório são de primeira linha e as metodologias de análises dos parâmetros são validadas internacionalmente.

Os técnicos são continuamente treinados para utilizarem-se de ferramentas estatísticas para controlar os erros inerentes no processo, melhorando assim a eficiencia de seus ensaios.

 

Scroll to top